O que não pode faltar no planejamento financeiro para viagens internacionais

Você já sonhou em fazer uma viagem internacional mas até hoje pensava que era impossível conseguir se organizar financeiramente para isso?

Sempre que o ano começa, é comum criar planos e normalmente a viagem está sempre na lista. Porém, muitos não sabem o que fazer para transformar esse sonho em realidade.

Se você também passa por isso já faz um tempo, está na hora de conferir algumas informações importantes que não podem faltar para um planejamento financeiro de viagens internacionais.

Assim, você pode finalmente fazer a viagem dos sonhos gastando menos do que tinha visto até agora. Confira a seguir!

Analisar o orçamento e evitar gastos imprevistos

A primeira dica para começar um planejamento financeiro para viagens internacionais é organizando o quanto você vai ter ao todo para viajar.

Apenas dento o orçamento final do quanto terá disponível, será possível planejar o resto dos gastos que vai poder ter fora do país e quais serão as opções mais adequadas para você.

Se, no final, você não tiver muito dinheiro para investir na viagem, será o momento de anotar os custos principais da sua viagem para evitar gastos imprevistos no futuro.

E quando falamos em evitar gastos fora do orçamento em uma viagem, não podemos deixar de fora essa dica: faça uma cotação de seguro viagem e não deixe de ter um para gastar menos em casos de emergências.

Pesquisar o local ideal e de acordo com seu orçamento

Você pode começar fazendo uma lista dos lugares que mais deseja viajar fora do país e procure a média do quanto esse destino custou nos últimos meses.

Dessa maneira, você pode ver de cada destino, qual é o que se encaixa melhor no seu orçamento e que tem a ver com o seu perfil.

Alguns pontos para você considerar na hora de ver quanto custa a média de gastos para cada local são:

  • Passagens aéreas;
  • Hospedagem;
  • Alimentação;
  • Transporte;
  • Valor do seguro viagem para determinado país;
  • Passeios e atrações que pretende participar.

Pagar antecipadamente ou ver opções de parcelamento

Sabendo de quanto custa o seu passeio no total, você tem a opção de juntar o valor exato que vai precisar para pagar à vista a sua viagem e receber descontos.

Ou, de repente, pode começar a pagar a viagem no cartão de crédito. Uma informação importante é que você pode parcelar o seguro em 12x no cartão para se sentir protegido e evitar gastos imprevistos na viagem.

É importante lembrar que o seguro viagem é obrigatório em países da Europa e outros que fazem parte do Tratado de Schengen e eles possuem valor mínimo segurado para que você possa entrar lá.

Isso porque, sem o seguro viagem, você pode até pagar tudo antecipadamente, mas se acontecer qualquer imprevisto fora do país, acabará pagando do seu bolso (o que vai custar muito mais do que o que vai gastar em um contrato de seguro).

Com essas informações ficou muito mais fácil viajar, concorda? Então, compartilhe este artigo com outras pessoas que também querem viajar para fora do país.