Saiba o que é preciso para criar bons conteúdos e onde publicá-los

No ramo da criação de conteúdos digitais, é muito normal pararmos para pensar: “será que o que eu estou fazendo está bom?” e depois, caso a sua pergunta tenha resposta afirmativa, onde você vai publicar seu conteúdo?

Bem, vamos começar com o tema criação. Vamos usar de exemplo neste artigo a criação de redação online, mas você poderá aplicar nossas dicas em várias outras áreas de conteúdo digital.

Saber o que está fazendo/falando:

A primeira coisa a se pensar ao criar uma redação é você saber sobre o que vai escrever. Seja sobre pets, marketing digital, SEO, empreendedorismo, viagens etc.

Mais do que ter em mente qual nicho você vai falar, é importante entender sobre o que exatamente você está criando.

É fácil falar: vou escrever um artigo sobre criar bons conteúdos na web!

Mas, nesse caso, você sabe de fato criar um bom conteúdo? Se é um ramo que você não domina, já é um bom motivo para você mudar o seu foco.

Saber para quem você está criando:

Esta dica vai te ajudar não só a escrever algo sensato e voltado para um nicho específico, mas principalmente ser bem recebido por esse nicho.

Se você vai escrever sobre pet, precisa conhecer quem são os interessados neste nicho, e aí abrimos uma gama de possibilidades: pais de cachorros, ou gatos? Passarinho talvez…? Répteis?

Então, não adianta você escrever um conteúdo sobre pets voltado para criação de répteis e publicar para um público que gosta de cachorros. O foco em seu alvo é primordial para o sucesso de seu conteúdo.

Seja sutil, não torne as coisas complexas:

Nem sempre a complexidade está atrelada à inteligência. Dito isto, você deve sempre procurar ser bem claro no que está expressando, seja numa redação ou em artes visuais. De nada adianta você colocar vários enigmas ou termos ocultos se vai acabar dificultando a assimilação da sua informação pela parte receptora.

Simplifique o que conseguir, mas tenha ciência de estar em equilíbrio, pois um conteúdo fraco, sem informações, também é um ponto negativo.

Saiba balancear o nível do seu conteúdo, e ele atingirá muito mais pessoas.

Agora vamos supor que você criou seu artigo, imagem, ou qualquer que seja seu conteúdo. Falta publicá-lo, certo? Vamos falar de algumas possibilidades:

Ofereça seu trabalho para blogs:

Oferte sua obra e busque por parceiros. Geralmente este método é fácil e as duas partes saem ganhando: o blog ganha um bom conteúdo de graça, e você tem lugar para mostrar seu trabalho! Este tipo de parceria funciona bem inclusive com técnicas de consultoria SEO, como no Linkbuilding, Publipost e na troca de Guestpost.

Faça um blog para servir de portfólio:

Se você quer conseguir viver da sua arte digital, é de suma importância que tenhas um blog para mostrar alguns de seus trabalhos. Assim você consegue aumentar seu networking, além de ter seu trabalho avaliado por outros.

Com um blog você, além de mostrar seu trabalho, poderá também debater sobre ele com outras pessoas, e isso sempre é positivo, pois é uma atenção a mais que você recebe do público.

Revistas Digitais:

Procure nos principais motores de busca sobre revistas digitais que possam estar abertas ao seu nicho. Assim, você pode oferecer sua arte, de graça ou não, aí vai de sua vontade. Muitas revistas online carecem de conteúdo e acabam topando por parcerias. O bom é que elas geralmente possuem uma tabela de clientes para os quais seu conteúdo chega sem muito esforço.

Estas foram nossas dicas de hoje para criação de conteúdo. Esperamos que você produza muito e tenha sucesso!